PRÉ ESCOLAR

A educação pré-escolar é a primeira grande etapa de todo o processo educativo. Numa continuidade da ação educativa da família, procuramos formar os nossos alunos num ambiente alegre e acolhedor, incentivando valores e fornecendo ferramentas indispensáveis no acesso à cultura e aos diferentes saberes.


Tendo como principal meta a promoção do desenvolvimento global da criança, a nossa pedagogia assenta em práticas inovadoras, que visam despertar o interesse pela descoberta, numa tentativa de desenvolver todas as suas capacidades, valorizando a sua individualidade, autonomia, tolerância e o respeito pelo outro e por si próprio.


O departamento de Ensino Pré-Escolar é constituído pelas Educadoras Edite Rio, Lília Robalo, Lúcia Franco, Mónica Lima e Sandra André, coordenadora do departamento.

Pré.jpg
 

1º CICLO

Com o ingresso no primeiro ciclo, a criança inicia uma nova etapa do seu desenvolvimento, enfrentando novos desafios e fazendo conquistas. Ao longo de quatro anos, os alunos aprendem a valorizar a riqueza cultural da língua portuguesa e da língua inglesa, desenvolvem o pensamento matemático, vivenciam situações de aprendizagem pela descoberta e exploram a sua criatividade, através do recurso às novas tecnologias de informação e comunicação. Numa linha de continuidade e coerência com os diversos ciclos e etapas educativas, e tendo em conta as crescentes exigências do sistema educativo, o primeiro ciclo do ensino básico no Colégio Guadalupe assenta num modelo de pluridocência, onde todos os professores são especializados numa área curricular: português, matemática, estudo do meio, inglês, educação física, educação musical e educação artística. Tendo como principais objetivos o bem-estar, a harmonia, a motivação, o rigor e a qualidade do ensino, atendendo sempre à individualidade de cada criança, promovemos, através de experiências pedagógicas inovadoras, o desenvolvimento do espírito crítico, uma atitude socialmente responsável, multicultural, atenta e interventiva na resolução dos problemas do mundo que nos rodeia.
A equipa de professores do 1º ciclo, coordenada pela professora Marisa Pedro, é composta pelos professores Ana Silva, Catarina Pereira, Filipa Bento, Joaquim Gato, Lucília Mateus, Magda Bento, Márcia Fernandes, Maria João Graça, Marta Macedo e Patrícia Peres.

5.jpg
 

CIÊNCIAS EXATAS

O Departamento de Ciências Exatas, coordenado pela professora Ana Maria Gonçalves, é formado pelos grupos disciplinares de matemática e tecnologias da informação e comunicação.
Conscientes da importância da aprendizagem da matemática, e do uso das novas tecnologias no futuro dos nossos alunos, os professores do departamento de ciências exatas empenham-se, diariamente, para que o seu percurso seja feito de forma interessante e motivadora, colocando ao seu dispor todos os recursos disponíveis.
Perante a atual realidade educacional, o departamento aposta num ensino da matemática com foco no desenvolvimento do raciocínio lógico-matemático e na resolução de desafios, visando, não só, fomentar o gosto pela matemática, como também, estimular o sucesso dos nossos alunos.

Teacher Writing a Formula on a Blackboard
 

CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS

O departamento de ciências experimentais, do qual fazem parte cinco professores, procura fomentar o interesse pelas ciências, pela investigação científica e pelo trabalho experimental nos alunos do colégio.
Nos dois laboratórios que existem nas nossas instalações, os professores trabalham no ensino formal e informal de ciências, desenvolvendo competências ao nível da análise e interpretação de resultados, espírito crítico e trabalho em equipa.

Lab.jpg
 

LÍNGUAS

A capacidade de compreender e comunicar em mais do que uma língua é uma competência de vida desejável para todos os cidadãos europeus. Aprender a falar, a escrever e a compreender outras línguas incentiva uma maior abertura aos outros, às suas culturas e maneiras de ver o mundo, melhora as competências cognitivas e desenvolve as competências dos alunos na sua língua materna.
É preocupação dos docentes do departamento dotar os nossos alunos de uma excelente proficiência linguística, assim como torná-los cidadãos cooperantes e tolerantes face à diversidade cultural. Neste sentido, é desenvolvido um conjunto de atividades que passam pela área da escrita criativa, pelo desenvolvimento de projetos que contemplam o incentivo à leitura e o desenvolvimento da expressão oral, e ainda atividades de pesquisa, investigação e promoção das trocas linguísticas e culturais.
Na verdade, incentivar o conhecimento de línguas é importante por razões de identidade cultural e de integração social, mas também porque o multilinguismo se torna numa via para alcançar uma maior compreensão intercultural, configurando-se um elemento-chave da riqueza do património cultural da Europa e do Mundo.

linguas-2.png
 

CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS

As Ciências Humanas e Sociais são um ramo das ciências que estudam a vida social de indivíduos e grupos humanos. Englobam várias áreas do saber, nomeadamente, as disciplinas de História, Filosofia, Geografia, Economia e Psicologia. O seu objetivo comum é o estudo do Homem nas suas várias vertentes e, através delas, entendermos o passado, interpretarmos o presente e planearmos o futuro.
Numa sociedade cada vez mais dependente da exatidão dos números e da racionalização do saber, com as Ciências Humanas e Sociais encontramos o conhecimento que nos ajuda a colocar questões, a pensar criativamente e a raciocinar de forma inovadora.
O mundo mudou e as ciências humanas permitem àqueles que têm uma visão global sobre a mudança, adaptarem-se e sobreviverem nesta sociedade em evolução permanente.

18-420x279.jpg
 

EXPRESSÕES ARTÍSTICAS

Acreditamos que a criatividade nas artes performativas estimula o desenvolvimento de outras áreas transversais ao conhecimento global do indivíduo.
Os nossos alunos desenvolvem a componente prática nas artes performativas de uma forma diferenciada, pois temos projetos inovadores e singulares, como a Educação Tecnológica e Multimédia, onde os alunos conciliam as duas valências, o projeto de cordofones que se inicia logo no 1º ciclo e no qual os alunos apropriam desde cedo técnicas de execução de cavaquinho, guitarra clássica e guitarra baixo e onde a sua literacia musical pode ser abrangida a vários estilos musicais, desde o tradicional ao Pop Rock.
Desenvolvemos várias atividades ao longo do ano letivo, quer em contexto de sala de aula, quer em contexto de atividades comemorativas, tentando proporcionar aos nossos alunos uma maior versatilidade de vivências. Destacamos:

  • Dia Mundial da Música

  • Festa de Natal

  • Noite de Ciência com Arte

  • Concurso de Bandas do Colégio Guadalupe

  • Festa de Encerramento de Atividades

art.jpeg
 

EDUCAÇÃO FÍSICA

Assumindo como pressuposto basilar a importância da atividade física e desportiva em todo o processo evolutivo e formativo do ser humano, o Departamento de Educação Física e Desporto orienta a sua intervenção numa perspetiva vertical que visa o fomento da atividade motora enquanto parte integrante do estilo de vida dos seus alunos.
Neste contexto, a Motricidade Infantil (atividade física dirigida a alunos dos 3 aos 5 anos) como passo inicial e fundamental de todo o processo de desenvolvimento motor, procura despertar nos alunos o domínio e consciência do corpo, o domínio do corpo em deslocamentos e manipulações e o domínio do corpo em contacto com o outro.
A Expressão e Educação Físico-Motora (atividade física dirigida a alunos dos 6 aos 9 anos) promove a interação com os colegas, apelando à cooperação, imitação e competição, proporcionadas por atividades lúdico-desportivas.
No 2º e 3º Ciclos, a Educação Física procura, acima de tudo, dotar os alunos de competências técnicas e de noções táticas elementares das diversas modalidades, consagradas nas diferentes unidades didáticas adoptadas para cada valência de ensino.
Por último, numa lógica de especialização das experiências motoras vividas, a atividade física, no Ensino Secundário, assume-se como uma intervenção virada para a Orientação Desportiva, indo ao encontro das expetativas e interesses dos jovens alunos, contribuindo, significativamente, para a formação da personalidade e adoção de padrões de vida ativa e salutar.

sports.jpeg